Correios anunciam greve para 5ª feira em protesto contra reajuste de 0,8%

Por: Da Redação
Publicado em 30/07/2019 às 17h04
798

Os trabalhadores dos Correios anunciaram que entrarão em greve a partir da 0h de quinta-feira (1). Um dia antes, nesta terça-feira (30), será realizada a última rodada de negociação com a estatal e, ao final da tarde, às 17h30, acontecerá, no Piauí, a assembleia geral para confirmar a greve.

A informação é do presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios no Piauí, Edilson Rodrigues. Segundo ele, o Estado seguirá as orientações da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect).

A categoria considera “irrisório” o reajuste salarial oferecido, de 0,8%, e protesta contra a retirada de direitos. Uma das alterações propostas pela empresa é a exclusão de pais como dependentes no plano de saúde dos funcionários e aumento na coparticipação do plano, que hoje está por volta de 30%.

A Federação afirma que, apesar de ter uma data marcada para a greve, mantém um canal de diálogo aberto com os Correios para negociar a situação.

Para o presidente do Sindicato no Piauí, todas as 180 agências do Estado devem aderir ao movimento, mas mantendo os 30% de funcionamento, caso a Federação assim oriente. “Geralmente, a orientação é para manter os 30% em funcionamento e nós vamos seguir o que for decidido em Brasília”, reforça.

À imprensa nacional, os Correios afirmaram que “continuam em negociação com representações dos empregados”, com mediação do Tribunal Superior do Trabalho, e que “não é oportuno tratar de greve neste momento”.


*cidadeverde



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.