Programas sociais pagam mais de R$ 80 milhões no Piauí

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 01/10/2012 às 18h09
1

O Bolsa Família, programa de transferência de renda do governo federal, pagou no mês de setembro R$ 72,564 milhões a beneficiários do Piauí. Outro programa, o Brasil Carinhoso, pagou no mesmo período cerca de R$ 8,721 milhões no Estado.

Em setembro, foram atendidas com o Bolsa Família 451.433 famílias, o que corresponde a mais de 1,8 milhão de pessoas. A média no Piauí é de R$ 160,72 por pessoa. Já o Brasil Carinhoso, atendeu 103.445 famílias, cerca de 400 mil pessoas. Cada uma delas recebeu, em média, R$ 84,79.

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda que beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza e tem como foco de atuação os R$ 16 milhões de brasileiros com renda familiar per capita inferior a R$ 170 mensais.

O programa possui três eixos principais focados na transferência de renda: promove o alívio imediato da pobreza. As condicionalidades reforçam o acesso a direitos básicos nas áreas de educação, saúde e assistência social. Já as ações complementares objetivam o desenvolvimento das famílias, de modo que os beneficiários consigam superar a situação de vulnerabilidade.

O Brasil Carinhoso, por sua vez, é uma ampliação do Bolsa Família, que garante às famílias extremamente pobres e com filhos de até seis anos um complemento. O piso para declaração de extrema pobreza é de R$ 70 por pessoa.

Governo do Estado


Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.