Chegada da rede 5G prevista para 2021 promete beneficiar o Piauí

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 31/10/2019 às 11h19
611

Se em alguns países do mundo a tecnologia 5G já é uma realidade trazendo conexões super rápidas, no Brasil a tecnologia deverá chegar somente em 2021 já que o leilão da ANATEL (Agência Nacional de Telecomunicações) para esta tecnologia está previsto para ocorrer somente no primeiro semestre de 2020.  A partir daí, o país deve levar ainda mais 1 ano na implantação da rede para comercialização.

Se por um lado a internet 5G que promete velocidades até 10 vezes superiores ao 4G ainda está longe de estar pronta para uso, os testes preparatórios seguem sendo feitos com sucesso.

Para o estado do Piauí, onde cerca de 42% dos domicílios ainda não possuem acesso a internet, as redes 5G podem ser uma alternativa importante a partir do momento que a tecnologia estiver sendo comercializada pelas empresas de telefonia.

O estado do Piauí ocupa atualmente a penúltima posição no ranking dos estados brasileiros com menor acesso a internet, ficando a frente apenas do estado do Maranhão, onde cerca de 50% da população não possui acesso a internet. Além do sinal ruim em inúmeras localidades, os custos elevados em comparação a renda da população afastam ainda mais o povo do acesso democrático a internet.

O que muda com a chegada das redes 5G

De todos os benefícios esperados por quem aguarda o início da comercialização das redes 5G  o principal diz respeito a velocidade. Espera-se que ela seja dezenas de vezes mais rápida que a internet 4G. Segundo informações a velocidade pode chegar facilmente a 20 Gbps, o que impactará em downloads mais velozes. Em muitos casos a conexão através do seu smartphone será ainda mais rápida que o wi-fi da sua casa ou escritório.

Entretenimento: Dê adeus aos travamentos

Ouvir música em streaming com aplicativos como Spotify e Deezer, ou até mesmo assistir filmes no Youtube e Netflix serão experiências muito mais agradáveis aos usuários de telefonia celular.  O impacto esperado é tão grande que chega a se falar em mais de 1 trilhão de dólares em novas receitas geradas até 2025. Jogos online e até mesmo apostas esportivas, segmento que vem crescendo com o surgimento de sites de Casinos Online como a Betway, estão listados por especialistas entre os maiores beneficiados com a adoção da moderna tecnologia como padrão a partir de 2021.

Em países como Estados Unidos, Coréia do Sul, Canada e Austrália algumas cidades já possuem a tecnologia em funcionamento.  No Brasil, por enquanto, somente algumas lojas da TIM e da Algar Telecom possuem licença especial para demonstrações e testes da tecnologia que em terras tupiniquins  segue longe de estar pronta para adoção.

Piauí conectado: A realidade mais próxima da adoção de uma internet veloz para os usuários

Anunciada ao público em maio deste ano, a PPP (parceria público-privada) denominada Piauí Conectado promete trazer uma infraestrutura de rede de fibra-ótica a ser instalada no Piauí ainda este ano. O projeto prevê que 80% da população deverá ser beneficiada com 1500 novos pontos de acesso espalhados por 98 municípios. Apenas em Teresina, cerca de 370 novos pontos tem sido instalados nos últimos meses. São previstos no total cerca de 5 mil km de redes de fibra ótica no estado do Piauí.

Segundo o governador do estado, Wellington Dias, após a conclusão do projeto o estado passará a dispor de um dos mais modernos sistemas do país beneficiando o sistema bancário, comércio, indústria, escolas e hospitais.

O projeto previa inicialmente cerca de 200 milhões de reais em investimentos.

O futuro com as redes 5G

Cirurgias sendo realizadas remotamente, carros autônomos (sem a necessidade de um motorista), videochamadas em tempo real, tudo isso e muito mais são as promessas para um futuro próximo em que as redes 5G estejam disponíveis.

O primeiro grande teste mundial promete ser as Olimpíadas do Japão em 2020, onde são esperados milhares de turistas e onde poderá ser constatada uma das principais promessas da tecnologia 5G, que é o funcionamento normal em grandes aglomerações de pessoas, fato que com as redes 4G recebia impacto direto no funcionamento, vide eventos como jogos de futebol, e até mesmo períodos do ano como o Reveillon, onde o uso simultâneo por inúmeras pessoas acarretava travamentos e até mesmo a interrupção dos serviços.

Enquanto 2021 não chega, resta torcer pelas outras melhorias em andamento no estado do Piauí.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.