Santos faz treino no Albertão, e após protesto, torcida é liberada a entrar

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 10/04/2013 às 09h17
0

Santos faz treino no Albertão, e após protesto, torcida é liberada a entrarA venda de ingressos na bilheteria do Albertão ainda continuava, na tarde desta terça-feira (09/04), quando o ônibus do Santos trazendo os jogadores chegou e causou uma verdadeira correria para a entrada principal do estádio. Centenas de pessoas querendo ver o badalado atacante Neymar e sua trupe.

O grande problema foi que os torcedores não puderam entrar no estádio para acompanhar o treino de reconhecimento do gramado. Isso causou certo tumulto e a polícia teve que conter os ânimos mais exaltados.

Já dentro do estádio, imprensa e algumas pessoas que estavam lá, tiveram que se retirar do gramado e foram deslocados para as arquibancadas. Nos jogos anteriores pela Copa do Brasil, os jornalistas podiam ficar agrupados próximo aos bancos de reserva, mas dessa vez foi diferente.

Somente 30 minutos depois de iniciado o treino é que os torcedores foram liberados para assistir o treino do time santista. O clube do Santos, a Federação e a administração do estádio negaram qualquer recomendação para barrar os torcedores.

Durante o treinamento foi possível observar um trabalho de toque de bola, lançamentos e finalizações.

Sob forte escolta, Neymar levou o público ao delírio, que a todo momento pedia acenos ao craque. Entretanto, ele pouco interagiu com os fãs. O jogador também não concedeu entrevista à imprensa.

Já o lateral esquerdo Léo, falou sobre as suas impressões em relação ao estádio Albertão “Não entendo porque estava interditado. É um bom estádio, bonito. Tem que continuar reformando”, elogiou. Ele ainda foi solícito e autografou camisas e tirou fotos com alguns torcedores presentes.

Muricy Ramalho não estará no Piauí, devido a problemas de saúde. Entretanto, o assistente técnico Tata, excepcionalmente, assume o time no jogo desta quarta-feira (10/04); perguntado se um dos grandes adversários em Teresina é o calor, ele é categórico “Nosso maior adversário é o Flamengo-PI”, disse.

O lateral Galhardo compartilha da opinião de Tata e ignora as altas temperaturas “Calor tem em qualquer lugar, tanto aqui quanto é Santos. Nosso foco é na partida”, reitera.

O treino do Santos encerrou por volta das 19h15.

*Com informações do 180graus


Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.