PMs são presos suspeitos de participação em roubo de cargas no Piauí e Maranhão

Segundo informações da Polícia Civil, a operação foi deflagrada para combater o roubo de cargas que estão ocorrendo nos estados do Piauí e Maranhão.

30/05/2019 às 08h00
1020

O Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), com apoio da Corregedoria da Polícia Militar do Piauí e da Divisão de Operações Especiais da Polícia Civil, deflagrou na manhã desta quinta-feira (30) uma operação contra roubo de cargas, que prendeu policiais militares.

Os presos são suspeitos de participação em assaltos no Piauí e Maranhão. Entre estes há um cabo e um soldado da PM-PI.

No estado, desde o fim do ano passado, vem sendo registrado uma série de crimes envolvendo roubo a mercadorias. Em dezembro, cerca de 100 TVs e celulares foram recuperados após terem sido levados do depósito de uma loja. Em janeiro deste ano, o gerente de uma loja de departamento em Teresina foi sequestrado e levado a um depósito para liberar celulares e TVs. Em fevereiro, o Greco apreendeu uma carga de café e leite em pó roubada e avaliada R$ 1 milhão.

Quatro suspeitos foram presos até o momento. A operação conta com o apoio da Corregedoria da Polícia Militar do Piauí e da Divisão de Operações Especiais da Polícia Civil.

Um entrevista coletiva está prevista para às 11h30.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.