Mãe é acusada de vender bebê de três meses por R$ 10 no Piauí

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 20/01/2020 às 11h19
772
22º Distrito Policial na Zona Norte de Teresina — (Foto: Gustavo Almeida/G1)

Uma criança de três meses teria sido vendida por R$ 10 reais pela mãe em um bar na Zona Norte de Teresina, capital do Piauí. A denúncia foi feita pelos irmãos da criança na última sexta-feira (17), que ao tomarem conhecimento do caso, foram até o do 22º Distrito Policial, na região da Santa Maria da Codipi.

De acordo com informações do policial Marcos Ripardo, que recebeu a denúncia dos irmãos da criança, a mãe é usuária de drogas e teria vendido o filho para continuar bebendo. “A mãe estava na bebedeira em um bar junto com a criança de três meses. Um casal também estava no local e teria se oferecido para cuidar da criança. Em troca, deram R$ 10, 00 para a mãe”, informou o agente de polícia.

Durante a sexta-feira, os irmãos da criança foram até o 22º DP para denunciar. “Foi um rapaz de 20 anos e uma de 18 que vieram prestar essa queixa, a mãe estava na rua e eles estavam tentando encontrar a criança”, disse.

Até o momento, nem a mãe do bebê e nem o casal que teria levado a criança foram localizados. O delegado José Erisvaldo, titular do 22º Distrito Policial, encaminhou o pedido de denúncia para a Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA).


*Com informações do G1/PI



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.