JUSTIÇA manda bloquear contas pessoais de ex-prefeito cassado Chico Antonio.

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 29/04/2011 às 12h08
4

Chico Antonio foi cassado pela Justiça Eleitoral: Suas contas no Bradesco e BB foram bloqueadas

Não bastasse todo o processo eleitoral que o cassou da Prefeitura de Esperantina, Chico Antonio, do PT, teve suas contas pessoais no Bradesco e no Banco do Brasil bloqueadas pela Justiça do Trabalho desde o início de março até o dia 14 de abril.

A ordem do sequestro dos valores foi da juíza da Vara do Trabalho de Piripiri, Luciane Rodrigues do Rêgo Monteiro Sobral. Todo o saldo de Chico Antônio foi transferido para uma conta judicial na Caixa Econômica Federal de Piripiri. O motivo do bloqueio das contas pessoais de Chico Antônio foi o descumprimento de um acordo com a Procuradoria Regional do Trabalho da 22ª Região.

A prefeitura de Esperantina tinha firmado um acordo em 2009 com a PRT para excluir do seu quadro de pessoal todos os servidores contratados sem prévia aprovação em concurso público. A maioria tinha sido contratada pela Fundação Cajuína. A advogada de Chico Antônio, Suéllen Vieira Soares, alegou que o acordo foi cumprido na totalidade com a demissão de todos os terceirizados no mês de março e que o sequestro das contas do ex-prefeito atingiu suas necessidades básicas e de sua família.

“No exato momento, por despacho do MM Juiz, no qual pedimos reconsideração por entendermos injusto, o Prefeito do Município de Esperantina está impossibilitado de utilizar seu próprio dinheiro para as suas necessidades básicas e de sua família em razão de um seqüestro feito”, assim expressou a Dra. Suéllen Soares no Pedido de Reconsideração apresentado na Justiça do Trabalho. Na terça-feira passada, dia 26, a juíza do Trabalho deu novo prazo até o dia 26 de julho determinando que a Prefeitura de Esperantina cumpra todo o acordo, sob pena do novo gestor do município também ter suas contas pessoais bloqueadas.

Da redação, com informações do 180graus



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.