Jornalistas são assassinados durante transmissão ao vivo nos Estados Unidos

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 26/08/2015 às 13h34
16

Dois jornalistas foram assassinados, durante uma transmissão ao vivo, para TV em Moneta, na Virgínia, nos EUA. O caso aconteceu na manhã desta quarta-feira (26).

O atirador, que está foragido, disparou várias vezes contra a repórter Alison Parker, 24, e o fotógrafo Adam Ward, 27, no momento em que conduziam uma entrevista.

jornalista

A pessoa que estava sendo entrevistada foi levada para um hospital, onde passou por cirurgia. Autoridades afirmam que o sujeito atirou em diversas pessoas, mas ainda não sabem qual o motivo do crime.

“Nós não sabemos o motivo. Não sabemos quem é o assassino”, disse o diretor da WDBJ7, Jeffrey Marks. “Nossos corações estão partidos.”

Segundo a emissora CNN, a polícia de Nova York reforçou a segurança em torno das emissoras da cidade.

Um vídeo publicado nas redes sociais mostra o momento em que a repórter é morta.

video-morte

O vídeo teria sido feito pelo suspeito de matar a jornalista e o câmera durante a entrevista, Bryce Williams.

Bryce Williams postou comentários no Twitter afirmando que “Alison fez comentários racistas” e que Adam o “denunciou no RH depois de ter trabalhado junto apenas uma vez”.

Confira abaixo o vídeo publicado pelo suspeito dos disparos

Confira abaixo o vídeo feito durante a transmissão

*Com informações da Folha de São Paulo, do Uol e G1


Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.