Governo define criação de câmara técnica

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 01/04/2011 às 13h17
1

O governador Wilson Martins recebeu uma comissão da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Piauí (Fetag), nessa quarta-feira (30). Foram autorizadas diversas ações para melhorar a vida do homem do campo, nesta primeira reunião com a entidade em 2011. Várias reivindicações feitas pelos trabalhadores foram atendidas.

“A agricultura familiar é um segmento importantíssimo e estamos muito satisfeitos em manter o diálogo com a Fetag que é uma entidade muito representativa do homem do campo do Piauí”, destacou o governador. Wilson Martins autorizou a criação de uma câmara técnica sobre agricultura familiar para discutir, elaborar e sugerir ações ligadas aos pequenos produtores.

Também foi encaminhada a desburocratização da venda de produtos oriundos de assentamentos e garantido o apoio à implantação do Projovem Trabalhador, através de uma parceria com a Secretaria de Educação (Seduc). A Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e o Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) também trabalharão na qualificação de trabalhadores.

O governador Wilson Martins afirmou ainda que dará uma atenção especial ao licenciamento ambiental de assentamentos. Entre os anos de 2003 e 2010, o Piauí foi destaque nacional como o Estado brasileiro que mais havia assentado famílias. Ao todo, mais de 13 mil núcleos familiares ganharam sua própria terra para morar e plantar.

“Nós, do governo, temos todo o interesse em regularizar as terras do Piauí, mas temos dificuldades burocráticas. O governo tem feito todos os esforços para esta regularização e que, sempre que possível, será destinada a assentamentos”, declarou Wilson Martins.

Semear

A distribuição de sementes para plantio, outra preocupação dos agricultores, também já tem definição do governo estadual. O secretário de Desenvolvimento Rural, Rubem Martins, que também participou da reunião, garantiu que as sementes foram distribuídas até o mês de dezembro. “No ano passado, distribuímos as sementes antecipadamente. Hoje, estamos seguindo o cronograma. Antigamente, elas eram dadas depois das chuvas e isso não adiantava. Hoje, estamos distribuindo na época certa para que eles possam plantar e colher”, pontuou.

O governador Wilson Martins mostrou-se bastante otimista e aposta em uma safra recorde de grãos este ano no Piauí. “Com os investimentos na área técnica e de produção e as ações que o governo vem fazendo, a agricultura familiar, com certeza, terá uma colheita muito boa”, afirmou.

Sobre a Fetag

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Piauí (Fetag) existe desde 1970 e possui representação nos 224 municípios do Estado. A entidade trabalha contra a concentração de terra e privilégio no latifúndio e busca manter a população do campo trabalhando na zona rural.

Da redação, com jornalista292

 



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.