Família procura por adolescente de 11 anos que fugiu novamente com o namorado em Esperantina

Por: Kléber Oliveira
Publicado em 04/12/2020 às 13h40
5235

A família de Eloá Castro de Assunção, de apenas 11, está a procura da adolescente que fugiu novamente com o namorado na noite de ontem, quinta-feira (03.dez). A família reside na localidade Tapuio, zona rural de Esperantina.

Em entrevista ao portal RevistaAZ, a mãe da menor disse que Eloá fugiu pela primeira vez com o namorado no dia 16 de novembro e foi localizada cinco dias depois, retornando ao seio familiar.

Nesta quinta-feira (03.dez), a adolescente aproveitou o descuido da família e fugiu por volta das 19h30. A família estava com uma viagem programada nesta sexta-feira (04.dez) para retirar a menor do município e ela planejou fugir com o namorado para evitar a viagem.

De acordo com a família, o homem apontado como namorado da menor de 11 anos de idade, foi identificado Cleilton, conhecido popularmente como “Gordinho” ou “Índio”. Segundo a família, ele já foi denunciado na justiça e está sendo investigado. Para a família, ele raptou a adolescente.

Segundo a Lei brasileira, “Para a caracterização do crime de estupro de vulnerável, previsto no artigo 217-A do Código Penal, basta que o agente tenha conjunção carnal ou pratique qualquer ato libidinoso com pessoa menor de 14 anos. O consentimento da vítima, sua eventual experiência sexual anterior ou a existência de relacionamento amoroso entre o agente e a vítima não afastam a ocorrência do crime.

Ainda conforme a família, o namoro entre o homem e a adolescente não tem consentimento da família e segundo a mãe dela, Eloá está sendo influenciada pelo namorado.

Para qualquer informação do paradeiro de Eloá, informar através do número: (86) 99597-6894 que responde também por WhatsApp.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.