DNIT responde requerimento de Dr. Zé Angelo e informa sobre providências do caso da Ponte do Aposento

DNIT disse ao advogado que será garantido a manutenção do desvio da ponte do Aposento, inclusive com intervenções emergenciais,a fim de garantir a trafegabilidade local no período chuvoso.

07/02/2019 às 20h20
1094
Dr. Zé Angelo (Foto: Divulgação)

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) respondeu ao requerimento protocolado pelo advogado esperantinense José Angelo Ramos Carvalho, o Dr. Zé Angelo, que pedia providências em caráter de urgência para a recuperação do desvio que fica ao lado da obra da ponte da “Ladeira do Aposento”, na BR-222, que fica entre os municípios de Batalha e Esperantina.

De acordo com a responda do DNIT, o trecho supracitado da BR-222 se encontra atualmente a cargo do 2º Batalhão de Engenharia de Construção (2º BEC), através do Termo de Execução Descentralizada – TED 039/2017. E que o serviço de manutenção da SRE-PI está constante contrato com o 2º BEC no referido seguimento, a fim de, garantir as intervenções necessárias para manter a trafegabilidade no local, uma vez que o trecho ainda se encontra em obras. O DNIT também informou que o 2º BEC vai garantir a manutenção do desvio da ponte do Aposento, inclusive com intervenções emergenciais,a fim de garantir a trafegabilidade local no período chuvoso.

(Foto: Divulgação)

Dr. Zé Angelo falou ao RevistaAZ.com.br da importância do requerimento pedindo providências sobre o trecho do desvio da ponte do Aposento, bem como a cobrança da obra de construção da ponte. Para o advogado esperantinense, a ponte que caiu em janeiro de 2016, vem ao longo de três anos causando inúmeros transtornos à população em geral, inclusive culminando com a inacessibilidade por uma semana no inverno de 2018 quando o desvio construído acabou rompendo com as fortes chuvas.

Estivemos hoje pela manhã no DNIT e recebemos as informações a respeito do nosso requerimento. Coincidentemente o Superintendente Dr. Ribamar Bastos está com uma equipe de técnicos e o 2º BEC na região e segundo informações, irão fazer uma vistoria nos trechos Piripiri a Batalha e Batalha a Esperantina, mas já se tem uma sinalização de que será feito um reparo no desvio da ponte do Aposento e verificação nas outras pontes. Com relação a construção da nova ponte como dispõe a resposta, será reiniciada logo apos o período chuvoso. Enquanto isso o Exército ficara monitorando o local. Aguardamos as providências!” disse o advogado Dr. Zé Angelo.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.