Caixa inicia crédito da 5ª parcela do auxílio de R$ 600; veja o calendário

Por: Da Redação
Publicado em 11/08/2020 às 13h22
1168
(Foto: Daniel Ferreira/Metrópoles)

O governo federal inicia nesta próxima terça-feira (18.ago) o pagamento da quinta parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para os beneficiários do programa Bolsa Família. O crédito será finalizado em 31 de agosto.

Essa pode ser a última parcela do auxílio de R$ 600, uma vez que o governo ainda não divulgou a prorrogação do benefício. O Ministério da Economia, porém, avalia conceder novas parcelas, mas com valores menores.

O pagamento do auxílio emergencial, que pode ter o valor dobrado caso a mulher seja chefe de família, obedece ao calendário habitual do Bolsa Família, que é pago nos últimos dez dias úteis de cada mês.

O dinheiro será depositado da mesma forma que o benefício regular. Logo, é preciso usar o cartão nos canais de autoatendimento, unidades lotéricas e correspondentes Caixa aqui; ou por crédito na conta Caixa fácil.

Dessa maneira, recebem no próximo dia 18 de agosto os beneficiários do Bolsa Família com o Número de Identificação Social (NIS) final igual a 1. No dia seguinte, na quarta-feira (19.ago), ganha quem tem NIS final 2.

Veja o calendário:
(Arte/Metropoles)
Mães adolescentes

Mães menores de idade que também são do programa Bolsa Família, mas que foram aprovadas apenas em maio, pois não teriam, a princípio, direito ao auxílio de R$ 600, terão direito a todas as cinco parcelas.

“Todos os beneficiários do programa Bolsa Família receberão cinco parcelas do auxílio emergencial independente de quando iniciaram o recebimento”, informou o Ministério da Cidadania, em nota.

Assim, as meninas que foram aprovadas já receberam a segunda parcela do auxílio emergencial, irão ganhar a terceira parcela de R$ 600, ou de R$ 1,2 mil, a partir desta próxima terça-feira (18.ago).

Questionado, o governo não confirmou se as parcelas quatro e cinco do benefício seguirão, para as mães adolescentes, o calendário do Bolsa Família. Caso assim seja, o pagamento será finalizado a elas apenas em outubro.

Não sou do Bolsa Família

Para os trabalhadores que não recebem o Bolsa Família, o crédito do auxílio emergencial – que pode ser da primeira, da segunda, da terceira ou quarta parcela – será feito nesta quarta-feira (12.ago) a 3,9 milhões de nascidos em julho.

Neste caso, o crédito será depositado na conta Poupança Social digital, onde o dinheiro deverá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Em um primeiro momento, o auxílio ficará limitado para pagamentos digitais, sendo impossível realizar saques e transferências.


*Informações do Metrópoles



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.