Assaltante de banco é morto em confronto com a polícia em Teresina

A polícia estava no seu encalço desde quando foi acionada por moradores do sítio Mangaratiba, situado na BR 343, zona leste de Teresina. O acusado pediu comida e água para o caseiro.

09/05/2019 às 13h09
1629
(Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Um dos acusados de ter assaltado agências bancárias em Campo Maior que conseguiu fugir da barreira policial na manhã de ontem foi morto por volta de meio dia desta quinta-feira (9). Ele, que foi identificado apenas como Raimundo, andava com Marcelo Negão, que continua foragido. A polícia apreende com ele arma e dinheiro.

A polícia estava no seu encalço desde quando foi acionada por moradores do sítio Mangaratiba, situado na BR 343, zona leste de Teresina. O acusado pediu comida e água para o caseiro.

Os oficiais foram acionados por volta de 07h20 pelo dono da propriedade, de acordo com o comandante de Operações Especiais da Polícia Militar do Piauí, coronel Márcio Oliveira. “Nós estávamos aqui com a equipe do BOPE quando chegou um cidadão, proprietário desse sítio, dizendo que o caseiro dele estava ligando informando que havia alguma coisa estranha lá. Então, como nós estávamos bem próximo, chegamos rapidamente.

Na manhã de ontem, o criminoso juntamente com  Marcelo Negão abordaram um veículo modelo UP de cor vermelha na Pi 113, que havia saído de Barras com direção a Teresina, com cerca de 5 reféns. Na barreira, liberaram os reféns e conseguiram fugir da polícia.

Ao todo, nove assaltantes foram mortos.


*Com informações do GP1



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.