Secretário de Justiça do Piauí impõe regras para acesso ao seu gabinete

As medidas visam uma maior segurança aos servidores e às pessoas que frequentam a secretaria

74
Secretário de Justiça do Piauí Daniel Oliveira (Foto: Divulgação)

O secretário de Justiça do Estado do Piauí, Daniel Oliveira, divulgou uma portaria nesta terça-feira (19) que impõe diversas restrições para quem solicitar audiências em seu gabinete. Dentre as medidas, está a proibição de pessoas com aparelhos celulares e gravadores e armas nas reuniões.

O motivo da medida teria sido a constante presença de agentes e sindicalistas para buscar uma solução para o impasse sobre dos agentes penitenciários. Na última segunda-feira (18), não houve expediente na secretaria por conta de uma suposta ameaça de invasão de criminosos ao prédio.

(Foto: Divulgação)

Na portaria, Daniel Oliveira afirma que no seu gabinete só serão discutidos temas relacionados a “questões profissionais” e veda qualquer dialogo que possa sugerir alguma ilicitude, sob risco de prisão em flagrante. Ele informou ainda que todas as audiências com o secretário deverão ser agendadas por e-mail, onde o solicitante deverá deixar claro o assunto da reunião.

As pessoas que desobedecerem as medidas poderão ser autuadas pelo crime de desacato. As medidas visam uma maior segurança aos servidores e às pessoas que frequentam a secretaria.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.