Acusado de matar garçom em Esperantina é condenado a 20 anos de prisão

Michael Gomes Vaz foi condenado em regime fechado, por latrocínio (roubo seguido de morte). O crime aconteceu no dia 22 de maio de 2018.

21/03/2019 às 08h50
2665

Em sentença data nesta quarta-feira (20/03), o juiz Markus Calado Schultz condenou Michael Gomes Vaz, a 20 anos de prisão, em regime fechado, pelo crime de latrocínio (roubo seguido de morte) praticado contra o garçom George Kennedy da Silva, 27 anos, na cidade de Esperantina.

O CRIME

George Kennedy da Silva, de 27 anos, foi assassinado dentro de casa o dia 22 de maio de 2018, no bairro Fazendinha em Esperantina. Segundo a denúncia, por volta de 07h30min, Michael, de 19 anos, de forma livre e consciente, subtraiu um aparelho celular Samsung Galaxy J5 prime e uma motocicleta Honda CG 125 Fan KS, e desferiu várias facadas na vítima resultando na sua morte.

George Kennedy da Silva (Foto: Facebook)

Consta que o réu planejou a ação, na noite anterior, e utilizou uma faca para ameaçar a vítima, a fim de que deletasse do seu aparelho celular supostas fotos íntimas do acusado.

Michael confessou a subtração dos bens, bem como a autoria dos golpes perpetrados contra Kennedy.

“[…] restou evidenciado que o acusado agiu não somente com a intenção de matar, mas também com a intenção de roubar, sobretudo o celular da vítima, tanto que os pertences da vítima, brutalmente assassinada, foram encontrados com ele, escondidos em sua própria residência”, afirmou o magistrado na sentença.

O juiz manteve a prisão de Michael e negou a ele o direito de recorrer da sentença em liberdade, condenando-o nesta quarta-feira, a 20 anos de prisão.



Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site.